in

Como Falar Em Público

Falar em público para algumas pessoas pode ser normal e simples, mas para várias outras é uma tarefa quase impossível.

Por esse motivo aqui no Dicas De Menina, você vai acompanhar como falar em público da maneira correta.

É normal ter aquele frio na barriga, uma leve tremedeira na voz, suor em excesso, isso é o nosso organismo se manifestando diante de uma situação de exposição.

Sentir medo ou receio também faz parte, falar para um público que você não conhece ou mesmo uma sala de aula entre colegas, pode ser uma missão difícil.

É importante antes de tudo se familiarizar com o ambiente e se possível com as pessoas.

Caso já conheça o seu público, melhor pode focar em outras coisas e procurar se sentir entre família.

No inicio pode ser complicado mesmo, mas com o tempo a naturalidade vem.

Você pode e deve ensaiar bem o que vai dizer, use outras pessoas como platéia teste ou fale para o espelho.

Uma boa apresentação é composta por ser objetivo no recado, saber o tempo de inicio, meio e fim, prender a atenção do público conforme a finalidade da palestra.

Você não precisa falar rápido, ao contrario, ter o tempo certo de fala e verbalizar de forma clara, vão salvar a sua apresentação.

Se for sua primeira apresentação e estiver nervoso, evite muito líquido, para não piorar a vontade de ir ao banheiro.

Faça um pouco de meditação ou outro exercício leve para relaxar, ouça uma música que goste.

Essencialmente para uma boa apresentação você precisa dominar a técnica, ter prática e saber bem o assunto.

Dicas De Como Falar Em Público

A fobia de falar em público existe e se chama glossofobia, só de pensar em algo assim você já pode ter a sensação de frio na barriga e suor excessivo.

Pode achar exagero, mas não é, para algumas pessoas isso é pior que a morte, então se esse for o seu caso, vamos dar algumas dicas valiosas.

Se você já tiver mais facilidade e encarar sem problemas uma platéia, vamos ensinar como manter essa confiança e só melhorar sua oratória.

Além das dicas, se você sofre com isso e tem dificuldades até em uma entrevista de emprego.

Hoje já é possível adquirir livros que ajudam e até cursos online e presenciais para melhorar sua apresentação.

Há diversas maneiras de começar conquistando a atenção da platéia, essa é a sua missão.

Se você começar pelo fim do assunto, isso poderá prender mais a curiosidade.

Histórias para ilustrar melhor o assunto, piadas no meio da palestra, quando cabe claro, são táticas de cativar a sua platéia.

Treine Suas Falas: Foque na introdução, os primeiros minutos são importantes para prender ou não a atenção do seu público.

Além de controlar a ansiedade após alguns segundos de apresentação, os níveis caem significativamente.

Ser verdade também pode ajudar nesse controle emocional, palestrar sobre o que você acredita, passa mais confiança e credibilidade no tom de voz.

Grandes oradores, como Martin Luther King Jr e Steve Jobs, são exemplos de verdade em tudo que falavam, acreditar e viver uma ideia.

O controle da velocidade e do tom da voz passam uma sensação de autoconfiança para público.

Aprenda a respirar: Respirar corretamente é importante, ajuda a relaxar o corpo e se manter calmo.

Sorria: Isso mesmo, sorrir é capaz de deixar sua fala mais acolhedora. E o cérebro humano é tão atento ao ato que é capaz de discernir apenas escutando a voz.

As pessoas falam em média quinze mil palavras por dia, com isso temos uma média de mil e quinhentos erros verbais diários.

Então se perdoe mais quanto aos erros. Esse é um traço comum, o público entende que erros acontecem.

Ainda nesse gancho do erro, caso a sua palestra tenha espaço para perguntas e você não saiba a resposta, demonstre isso, ser sincero vai ajudar.

Inclua a platéia para te auxiliar na resposta, devolva a pergunta a eles e crie um debate saudável.

Isso deixa o clima mais informal e também é uma maneira de deixar os ouvintes menos passivos e elimina a distância entre o palestrante e o público.

Conheça seu cérebro: O cérebro humano se lembra de apenas duas coisas sobre um evento: o ápice emocional, seja ele bom ou ruim, e o fim.

Essa regra neurológica cria um resumo mental sobre a experiência, que os seres humanos resgatam quando pensam como foi aquele momento e como se sentiram.

Essa lembrança influencia quando a pessoa decide se quer ou não ter aquela experiência novamente.

Veja Como Falar Bem Em Público

É fato que pessoas nascem com um tom para oratória que não se pode explicar.

E também é fato que podemos aprender e praticar as técnicas certas para manter sempre uma boa apresentação.

Ao planejar o que vai dizer, leve em consideração uma lista de questões que devem ser preenchidas, assim não deixará escapar nada.

As afirmações do seu texto estão de acordo com o seu público? Existem muitas lacunas? As pessoas estarão apoiando sua fala? É uma platéia mista?

Entender o seu público é o primeiro ponto para traçar uma ideia e manter uma linha atrativa ao desenvolver o texto.

Se você é mais experiente, a persuasão deve ser o seu maior prazer, conseguir que as pessoas concordem com sua forma de pensar é uma proeza.

Em algum momento você vai encarar a oposição, nessa hora tenha cuidado com o seu público e prepare bem o discurso, sem afrontas.

E se puder evitar, não fale de algo que não conheça bem ou não acredite, isso é transmitido ao público e pode acabar com a sua apresentação.

O ponto chave é fazer sua audiência concordar com a sua apresentação e, se não o conseguir totalmente, seja capaz de vencer resistências e criar novas linhas de idéias.

Quando uma audiência se posiciona contrariamente ao seu ponto de vista, é legal argumentar e não criar um debate sem fim.  

Na mecânica oratória você deve apresentar seu argumento, destacando seus pontos fortes.

A seguir, aponte os argumentos primários dos opositores e, então, vá destruindo um por um, deixando as dúvidas no ar.

Respeitar o seu público é importante se quiser ser um bom palestrante, mantenha o tom de voz agradável sempre.

O corpo também fala, então mantenha uma boa linguagem corporal, gestos sob medida, mantenha seu material de pesquisa atualizado.

Você precisa construir um bom início para prender a atenção do público e finalizar de maneira empolgante.

Isso vai permitir que pareça educado, justo e equilibrado aos olhos da plateia.

O ponto principal de persuadir alguém é deixar a pessoa feliz depois de decidir ver ou fazer o que você sugeriu.

Primeiro passo: Conheça sua platéia. Reúna o maior volume possível de informação sobre o seu público.

Segundo passo: Conheça o assunto que vai falar. Faça uma apresentação atualizada, não corra o risco de o público conhecer o tema mais do que você.

Esteja preparado para imprevistos, encare seus ouvintes, procure o contato visual com a plateia.

Ao primeiro aceno positivo que receber, sua autoconfiança aumentará, tenha certeza que as pessoas querem aprender com você.

Fale com entusiasmo e naturalidade, isso passa confiança para os dois lados, você vai sentir no público até onde poderá ir.

Não fale rápido demais, sua dicção precisa ser boa e clara, também não tão lento ao ponto de dar sono, busque o equilíbrio.

Crie um ambiente agradável de comunicação, alternando a altura e a velocidade da fala.

Se apresente antes de tudo, deixe seu nome completo bem visível. Desde o início, procure envolver seus ouvintes quanto à utilidade do tema.

Mostre seus objetivos, dando visão geral do programa. Se o auditório for pequeno, faça perguntas e sinta a experiência que o grupo já tem do assunto.

Terceiro passo: Muito cuidado com a gramática. Erros atrapalham a apresentação e podem acabar com a sua imagem.

Tenha um cuidado especial à concordância e à conjugação de verbos. Desenvolva um vocabulário simples, objetivo e suficiente para representar suas ideias.

Os movimentos e as expressões faciais são recursos que favorecem o entendimento. Não olhe demais para um ouvinte, olhe o grupo.

Mantenha coerência entre seu semblante e o que está sendo dito. Coisas alegres, fisionomia sorridente e coisas tristes, cara fechada.

Revise o seu material, se for usar os slides não se limite a ler o que está projetado na tela. Ao montar o slide, use o fundo que melhor contraste com letras e figuras.

Cheque antes o microfone se tiver, a distância que ele alcança e quanto poderá manter o seu tom de voz para não incomodar.

Diga o que tem a dizer e, em seguida, pare. Antes, porém, dê ao público algo que o faça pensar e encerre sua oratória com uma mensagem consistente.

A última coisa que disser deverá ser a mais lembrada. Pode ser um desafio, uma sugestão de ação ou a solução de um problema.

Descubra O Curso Para Falar Em Público

Pode ser um curso online, presencial, um livro, uma palestra, não importa, o que vale é o conteúdo.

Procure investir em você sempre, veja quais as necessidades maiores que tem no momento e busque o conhecimento necessário.

Comunicação eficiente, autoconfiança para expor ideias e controle das emoções são requisitos fundamentais para o crescimento profissional em qualquer área de atuação.

Não dominar essas habilidades pode prejudicar sua performance e sua reputação no ambiente de trabalho.

Isso porque uma boa comunicação faz toda a diferença em qualquer profissão e também influencia a maneira como você é visto por outros profissionais.

Por isso, invista em você, hoje é possível comprar cursos online ou presencial, fazer e acompanhar palestras de graça ou verificar as informações em livros.

Então não fique parado, vá atrás de como poderá melhorar a sua oratória, quais são seus pontos fortes e fracos para focar no seu interesse.

Pode ser como profissão ou só para superar aquele frio na barriga que incomoda toda vez que precisa falar para mais de três pessoas.

É possível aprender diversas técnicas para falar bem em público, controlar o nervosismo, usar a entonação, os gestos, o tom de voz e a postura correta.

E somando a tudo isso, conseguir fazer uma apresentações de alto impacto visual com storytelling.

Benefícios que você adquiri é conseguir desenvolver uma comunicação mais assertiva e influente.

Vai melhorar a postura profissional ao se comunicar, ter presença em apresentações diversas não importa o assunto.

Sempre falar com confiança e transmitir credibilidade em público, vencendo o medo.

Com as técnicas certa você garante o controle do nervosismo e transmiti segurança na hora de fazer uma apresentação.

Autoconhecimento é muito importante, precisa respeitar o seu limite, seus princípios e ideias, para ser um bom orador.

Nada é mais importante do que o autoconhecimento e o autocontrole. Procure derrotar seus medos e vencer os desafios que são impostos.

7 Passos Para Falar Em Público

1- Identifique a fonte do seu medo. Ela pode ser o medo de não saber o que acontecerá quando estiver na frente das pessoas fazendo sua palestra ou apresentação.

2- Encare esse medos. Ele representa uma evidência falsa que parece real. As pessoas querem ouvir o que você tem para falar.

3- Respire fundo. Fazer um exercício de respiração antes de falar em público vai ajudar a relaxar seu corpo e sua mente. Você pode fazer em qualquer lugar, até antes da apresentação.

4- Relaxe. O relaxamento é muito importante, ouvir uma música que te acalme ou falar com quem gosta.

5- Aprenda como entreter o público. Conhecer bem o público que você vai trabalhar é muito importante, para adequar a abordagem certa.

6- Faça um alongamento ou exercício leve. Para controlar a ansiedade, coloque a mão sobre a testa e pressione.

A adrenalina envia o sangue para o centro do cérebro, na base do crânio, com o sangue circulando melhor você controla a ansiedade.

7- Pratique. Depois de entender o assunto e o seu público, precisa praticar, pode treinar com familiares, amigos ou na frente do espelho.

Mantenha o texto atrativo do começo ao fim, respeite o tempo que tem e foque no conteúdo.

Sua primeira apresentação pode não ser boa e até depois de um tempo, ainda poderá sentir o frio na barriga.

Isso é normal, mas com certeza a pratica te garante um conforto de conhecimento e confiança no que tem para passar.

Então aproveite tudo que a vida tem para oferecer e confie mais no seu potencial, explore isso e garanta uma realização incrível.

Marketing pessoal: Como Se Promover Na Vida Pessoal E Profissional

Dieta Sem Carboidratos – Alimentos, Riscos para a Saúde, Dicas