in ,

Calcular IMC – Use nossa calculadora de IMC e descubra o seu peso ideal

Para quem acredita que manter o corpo em forma e a autoestima em dia são um dos fatores principais decorrentes do peso ideal, se engana. Manter o peso saudável contribui tanto para a sua saúde física e mental, e dentro desse contexto vem a pergunta: Como saber se meu peso é saudável? Não se preocupe que no artigo de hoje iremos te ensinar como calcular IMC e tudo sobre o assunto para esclarecer suas dúvidas.
Primeiramente, antes de conhecermos mais sobre o Índice de Massa Corporal (IMC) e como calcular ele, vamos te mostrar alguns dos principais benefícios que um peso saudável promove na nossa vida. Veja mais a seguir e entenda a importância de cuidar da alimentação.


Principais vantagens de se manter o peso ideal

Não é novidade falar que um boa alimentação, associada a exercícios físicos, ajuda a manter o corpo em forma, o peso ideal e a saúde em dia não é mesmo?
Alguns podem até confundir o termo “peso ideal”. Quando falamos sobre isso não estamos nos referindo a nenhum padrão de beleza ou magreza imposto pela sociedade.
Estamos nos referindo ao fato de que existe sim o peso considerado saudável, que é justamente aquela faixa de peso em que você está com a saúde protegida e sem tantos riscos de ter certas doenças, por exemplo.
Para entender melhor a importância do peso saudável, veja logo mais os principais benefícios de se manter o peso ideal:


Os riscos de ter Diabetes reduz consideravelmente


O indivíduo que está acima do peso saudável para ele, consequentemente acaba estando mais suscetível a um problema conhecido por Diabetes tipo 2.
Isso ocorre porque no caso desse indivíduo, os níveis de Glicose presente no sangue são mais altos.
Para quem não sabe, a Diabetes é uma enfermidade considerada grave, visto que pode promover problemas maiores para a saúde do coração, podendo até provocar um infarto, por exemplo.
Além disso, a doença também pode provocar acidentes de caráter cardiovascular, Amputação de algum membro, Cegueira e até a insuficiência dos rins.
Em vista disso é extremamente fundamental manter uma dieta alimentar balanceada e saudável, fazer exercícios físicos diariamente e assim manter o peso saudável.
Com certos cuidados, você já reduz significativamente as chances de um dia acabar se deparando com um problema grave como esse e que não tem cura: A Diabetes.


Promove melhoras no que se refere a atividade sexual


Quando o homem ou a mulher se encontra acima do peso, um dos principais problemas detectados nesse caso é a falta de autoestima.
Em vista disso, ocorre o que chamamos de desconforto ou vergonha na hora H, o que atrapalha diretamente o seu desempenho sexual.
Além disso, a quantidade excessiva de gorduras acaba prejudicando o Sistema Vascular, o que acaba fazendo com que o processo que visa irrigar o sangue dos vasos capilares que perpassam a região íntima seja totalmente afetada negativamente, o que promove o que conhecemos por Disfunção Sexual.


Protege o ser humano de possíveis doenças de caráter cardiovascular


Manter o peso saudável é sim muito importante, pois promove o aumento dos níveis do HDL, que para quem não sabe, trata-se do Colesterol bom.
Além disso, os níveis de Triglicerídeos diminui significativamente, que aliás se trata das gorduras.
Na medida em que aumenta o Colesterol bom e diminui os níveis de Triglicerídeos, as chances das artérias sofrerem com algum entupimento reduz e o organismo fica mais protegido, tendo menos propensão a sofrer com alguma enfermidade de caráter cardiovascular. Sem contar que o peso saudável é fundamental pois garante que o nosso coração trabalhe com muito mais eficiência e ainda diminui as chances de ocorrer algum ataque cardíaco ou problemas com pressão alta.


Promove o aumento da disposição


A disposição de quem está com o peso em dia sem dúvida é muito maior. Sabe porquê? Simplesmente porque o nosso organismo acaba ficando bem mais leve e por isso acaba reagindo muito melhor aos estímulos promovidos pelos músculos e pelo sistema respiratório.
Em decorrência disso, o ele não sofre com danos e por isso você acaba se cansando bem menos quando vai praticar atividades físicas, por exemplo.
A disposição para encarar o dia então fica muito maior. Você sente que tem muito mais energia para fazer as coisas, é nítido.


Diminui episódios de dor


Quando se está com sobre peso, naturalmente as articulações sofrem muito mais pressão, seja na região muscular ou nos ossos, ambos precisam se esforçar muito mais para trabalhar, independente se o movimento é simples e pequeno ou não.
Toda essa pressão acaba gerando consequências e uma delas é sem dúvida o surgimento de quadros de dor, principalmente quando se trata da região inferior do nosso corpo.
Estar com o peso ideal possibilita o corpo se movimentar com mais eficácia e os riscos de sofrer com danos decorrentes do excesso de esforço para fazer algum movimento reduz consideravelmente, justamente porque nesse caso não haverá pressão sobre os músculos ou ossos.


Ajuda na prevenção do câncer


Manter o peso saudável reduz e muito as chances de se desenvolver algum tipo de Câncer.
A mulher, por exemplo, quando está acima do peso, tem muito mais chances de sofrer com câncer de mama, do útero, no ovário, no cólon, na vesícula biliar e câncer na vesícula cervical.
No caso do homem, as chances de sofrer com câncer de próstata e no reto, aumentam consideravelmente quando se encontram com sobrepeso.
Aliás, quantidades excessivas de gordura propicia o surgimento de quadros inflamatórios, bloqueando as defesas do nosso organismo, que agem contra as chamadas Células Tumorais.


Contagia todos a sua volta


Estar com o peso ideal e a saúde em dia é contagiante. Quando você está saudável, se sente bem consigo mesmo, a autoestima cresce e a disposição para viver a vida também.
Assim você consegue passar motivação para as pessoas importantes da sua vida, bem como transmitir uma felicidade contagiante.


Conheça mais sobre o Índice de Massa Corporal (IMC)


Já que conhecemos agora as principais vantagens de se manter o peso saudável, agora você irá conhecer um pouco sobre o IMC.
Se você nunca ouviu falar nessa sigla, hoje além de conhecer mais sobre ela, você vai aprender de fato a como calcular IMC.
Basicamente o IMC é o índice que usamos para poder classificar a situação do peso de uma pessoa em relação a sua altura, para saber se ela está acima, abaixo ou no peso ideal para sua saúde estar em dia.
Mais precisamente, o Índice de massa corporal se trata de uma medida de nível Internacional, que teve o seu desenvolvimento feito por Lambert Quételet, aproximadamente no final do século dezenove.
Sem dúvida é um dos métodos mais fáceis e rápidos para você conseguir fazer uma avaliação prévia sobre os níveis de gorduras corporais, bem como a massa, para saber se está tudo okay com seu peso ou se existe um alerta.
A Organização Mundial de Saúde utiliza o IMC como método para essa avaliação e por isso ele é o mais conhecido e mais confiável.
O peso ideal não reflete unicamente a necessidade de emagrecer. Ele reflete a importância do equilíbrio.
Ao calcular IMC, você precisa estar dentro desse equilíbrio. Tanto um peso acima como abaixo, são prejudiciais a sua saúde, fazendo com que você fique mais suscetível a sofrer com enfermidades que incluem a Desnutrição, quando se tem um peso abaixo do normal, ou um AVC (Acidente Vascular Cerebral), quando se está acima dele, por exemplo.
Em vista disso é natural que o seu médico, enfermeiro ou nutricionista analise seu peso para poder confirmar possíveis doenças que você talvez tenha maior propensão de sofrer.


Afinal, é difícil calcular IMC?


Muitos se assustam quando falamos de cálculo, afinal nem todos gostam de contas não é mesmo?
Mas o que poucos sabem é que calcular IMC é mais fácil do que parece ser. O cálculo na verdade é bem simples.
Para calcular IMC você vai utilizar uma fórmula padrão, usada no mundo todo, independente se você é homem ou mulher. A única coisa que varia é a tabela que você irá consultar depois que calcular IMC.
Veja só como é fácil a fórmula padrão:
IMC= Peso/Altura²
Para você entender melhor, basicamente você irá dividir o seu peso pelo resultado da sua altura ao quadrado.
Um exemplo a seguir: Se você for uma mulher com um metro e sessenta de altura e 56 quilos, seu cálculo será da seguinte forma:
Primeiro multiplique 1,6 por 1,6 que é justamente a sua altura ao quadrado. O resultado será 2,56.
Em seguida divida o peso 56 por 2,56. O resultado será 21,875 que nada mais é do que o IMC.
Mas essa é só uma base para que você entenda que calcular IMC não é complicado. Entretanto, para você saber se o peso está ou não na faixa ideal para a saúde é necessário conhecer a tabela do IMC.


Essas tabelas são as mais completas disponíveis e por ela você pode calcular IMC e descobrir se está ou não no peso ideal.
No exemplo que demos anteriormente, por exemplo, se você é uma mulher adulta ou adolescente com IMC 21,875 você está no peso saudável. É importante consultar a tabela correta, pois a idade também interfere no resultado final.


Um alerta sobre a ferramenta disponível para calcular IMC


Embora o IMC seja uma ferramenta bem padronizada e com parâmetros bem definidos, segundo orientações da Organização Mundial de Saúde, para que você consiga ter um resultado bem preciso o indicado é ir em busca de um médico de confiança, para que ele avalie o seu índice de massa muscular.


Existem fatores que podem influenciar no resultado preciso na hora de calcular IMC?


Sim, nem todo mundo sabe disso, mas nem sempre o resultado do cálculo do IMC é preciso, visto que existem fatores que podem acabar interferindo.
Mas tais fatores interferem mais na hora de decidir se uma pessoa está acima do peso, sabe porque? Veja só os principais fatores a seguir:
• Quem é musculoso, por exemplo, geralmente tem um IMC mais alto, e isso não indica necessariamente que está acima do peso ideal,
• No caso da mulherada, é normal que o índice de gordura no corpo seja maior, do que se comparado ao homem,
• Segundo estudos que continuam sendo realizados pela Organização Mundial de Saúde, as distinções existentes entre raças e etnias podem sim acabar interferindo no processo que visa calcular IMC,
• Constatou-se que as pessoas negras tem um índice de gordura corporal menor do que as que apresentam pele clara,
• Pessoas Asiáticas apresentam um índice de gordura corporal maior do que as pessoas brancas.
Embora seja um cálculo simples, você não deve sair por aí calculando seu IMC e tomando decisões de acordo com aquilo que você acha ser necessário.
Com saúde não se brinca, você pode calcular IMC mas se identificar algum resultado aparentemente negativo, o indicado é ir em busca de um médico capacitado para que ele te reavalie e lhe indique algum tratamento que seja necessário.


Quais profissionais podem Calcular IMC e dar um preciso diagnóstico?


Na hora de ir em busca de um profissional competente, você pode optar por algum de qualquer uma dessas áreas:
• Médico endocrinologista,
• Médico Nutrólogo,
• Médico Nutricionista.


Como perder peso de forma saudável? Veja 9 dicas infalíveis


Caso você venha calcular IMC e com o seu médico verificar que está acima do seu peso saudável, o ideal é seguir uma dieta equilibrada e saudável para conseguir chegar ao índice de massa corporal ideal.
Além de um cardápio alimentar saudável, existem algumas dicas básicas para quem quer aprender a perder peso sem sofrer com o indesejado Efeito Sanfona.
A seguir separamos para vocês as melhores dicas. Aproveite!


Ficar sem comer não é indicado


Algumas pessoas ficam horas e horas sem comer, se privando o tempo todo achando que isso ajuda a perder peso.
Você precisa comer de três em três horas ou no máximo quatro, dependendo do que o seu nutricionista vai indicar. E em quantidades pequenas.
Quando você fica muitas horas sem se alimentar o seu organismo acaba ficando com o sistema metabólico mais lento para reservar energia, já que ele não está recebendo o seu combustível necessário ( alimentos) e isso tudo prejudica muito o processo de emagrecimento.
Além disso, se você ficar horas sem comer, quando se alimentar já estará morrendo de fome e vai comer muito mais do que o necessário, sem contar que na maioria das vezes por estar com fome você acaba escolhendo os alimentos mais calóricos e menos saudáveis.
Não adianta, se quer perder peso de forma saudável precisa ter uma alimentação regrada com frutas e lanches bem saudáveis e de uma refeição para a outra o ideal é existir um intervalo de três horas.


Não tenha pressa na hora de se alimentar


Por conta da correria do dia-a-dia é comum nem darmos tanta atenção assim para as refeições. Comemos com pressa, sem mastigar os alimentos direito, sem mencionar as vezes que comemos besteira na rua, quando não dá tempo de comer comida de verdade.
O nosso organismo necessita de um tempinho com calma para poder processar e digerir o que comemos. Para se ter uma ideia, cerca de cinquenta por cento das Enzimas Digestivas são secretadas por intermédio de estímulos Sensoriais, do quais podemos mencionar desde a Visão, até o Olfato, o Tato e óbvio, o paladar.
Aliás, mastigar bem os alimentos ajuda no processo de metabolização, o que traz muito mais saciedade. Mastigando bem você vai ver que vai aguentar comer bem menos do que você comeria se praticamente engolisse a comida.
De forma geral, indica-se não terminar uma refeição antes de pelo menos vinte minutos.


Evite beber enquanto come


Muitas pessoas acabam se acostumando a comer bebendo suco, refrigerante ou qualquer outra coisa. Mas isso prejudica muito na hora do processo de digestão.
Primeiro que se você toma líquidos, geralmente não mastiga bem o alimentos. E isso volta para todo aquele processo que prejudica na hora de perder peso.
O ideal é tomar algum líquido pelo menos meia hora antes de fazer a refeição ou uma hora depois de fazer a refeição.


Tenha horários determinados para cada refeição


Quando você organiza a sua alimentação, e define horários padrões para cada refeição, isso ajuda o seu organismo a conseguir manter um certo ritmo, que ajuda consequentemente a manter os níveis nutricionais e hormonais estáveis.


Insira alimentos integrais no seu cardápio alimentar


Para quem não sabe, o alimento integral é rico em diversos nutrientes, que ficam bem na película do grão.
Basicamente, tais nutrientes são ótimos para que os níveis de açúcar na corrente sanguínea sejam equilibrados. Além do mais, alimento integral é rico em fibras que são fontes de alimento para as bactérias boas que existem na região intestinal. E em decorrência disso, ajuda a manter os níveis de colesterol e de saciedade alimentar bem controlados.


Comece a consumir mais frutas e hortaliças

Se na hora de calcular IMC você quer ter uma notícia boa, é importante estar ciente de que uma alimentação saudável é imprescindível.
Portanto, se você não tem costume comece a comer mais verduras, legumes e frutas no seu dia-a-dia.
Esses alimentos são excelentes para a nossa saúde, pois fornecem fibras para o nosso organismo, bem como vitaminas e minerais.
Sem contar que são alimentos fonte de Fitoquímicos, que atuam de forma eficiente com ação Antioxidante, que para quem não sabe protege as nossas células.


Fuja de alimentos refinados


Sabe aquele pãozinho maravilhoso, o arroz branco, o trigo e todos os alimentos refinados que a maioria ama? Pois é, além de não terem aqueles nutrientes presentes na película que mencionamos nos alimentos integrais, eles também passam por procedimento de caráter químico para branqueamento. Neste processo, diversas substâncias químicas são adicionadas, com potencial efeito negativo para nosso organismo.
Tais alimentos não servem como fonte de alimento para as bactérias boas presentes no organismo e isso aumenta as chances de ocorrer o desenvolvimento e crescimento de Bactérias ruins na região da Flora do intestino.


Tome bastante líquido


Tomar bastante água durante o decorrer do dia a dia, ajuda a fazer com que o nosso corpo se mantenha bem hidratado, sem mencionar que isso ajuda no processo do organismo que visa fazer o transporte dos nutrientes para nossa saúde.
Se você quer saber se o seu organismo está bem hidratado a dica é observar a cor do seu xixi. Ela deve estar bem clarinha, quanto mais escura mais indica a necessidade de se hidratar mais.


Fuja de alimentos industrializados


É muito comum consumirmos alimentos processados e embutidos, mas o fato de possuírem uma quantidade absurda de substância química que não são reconhecidas pelo organismo humano, consumir eles pode trazer grandes danos para a nossa a saúde.
Para se ter uma noção, quando consumimos excessivamente esse tipo de alimento, o nosso Fígado precisa trabalhar em dobro para conseguir dar uma neutralizada nas substâncias químicas que existem nele, para que assim possa eliminar elas.
Mas como esse processo demanda muito mais esforço, na maioria das vezes é necessário a ajuda dos rins para conseguir essa neutralização e eliminação.
Além disso, muitos desses alimentos industrializados apresentam substâncias que podem ter Efeito Cancerígeno no organismo, ou até mesmo durante o processo para desintoxicar o organismo pode ser produzido esse tipo de substância.
Para completar, o nosso sistema de Imunidade pode ser fortemente comprometido em vista do consumo desse tipo de alimento e ainda promoveria desenvolvimento de algum quadro alérgico em decorrência de alguma substância contida nele.
Pode parecer muita coisa, mas são atitudes bem simples que mudam a nossa vida. Não há nada que pague a saúde em dia não é mesmo?
Então se você que calcular IMC e ter uma ótima notícia junto com o seu médico, não deixe de cuidar da sua saúde desde já, assim evitará problemas futuros e manterá a disposição a todo vapor.

Espinha na Virilha – O que pode ser, Como tratar?

182 incríveis perguntas para o Crush